Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Next

HIIT entrega resultados com 20 minutos de exercícios intensos, mas exige acompanhamento

NextMag 16/10/2018 HEALTH Nenhum Comentário
HIIT entrega resultados com 20 minutos de exercícios intensos, mas exige acompanhamento

Modalidade que virou tendência entre atletas com rotinas apertadas se populariza com o uso da Inteligência Artificial no acompanhamento e montagem dos treinos

 

Vinte minutos. Não é preciso mais do que isso para entrar e se manter em forma. Ao menos é o que garantem os praticantes e educadores físicos especializados em High Intensity Interval Training, ou, em português, Treino Intervalado de Alta intensidade, o famoso HIIT. A modalidade que envolve exercícios aeróbicos realizados em máxima intensidade por um curto período de tempo, intercalados com breves momentos de descanso, vem ganhando cada vez mais adeptos por conta de sua versatilidade e eficiência
O HIIT cai como uma luva para os praticantes de exercícios nas grandes capitais, que vivem em rotinas apertadas e com pouco espaço para treinar. Isso acontece, pois o principal diferencial do HIIT, além de não consumir muito tempo do dia do praticante, é o fato de que calorias continuam sendo queimadas até 24 horas após o fim do treino. Ou seja, o metabolismo se mantém ativo mesmo em descanso.

Isso significa, por exemplo, que 2 minutos de HIIT equivalem a 30 minutos de caminhada moderada. A conclusão foi feita de acordo com um estudo publicado na revista científica American Physiological Society, afirmando que alguns minutos de treinamento de alta intensidade oferecem os mesmos benefícios — em nível celular — de exercícios moderados prolongados.

Mas a grande dúvida em torno do HIIT é: esse é um tipo de exercício para todos? Nessa modalidade, devido a frequência cardíaca ficar entre 85% e a máxima, por quase não haver descanso e pelo alto impacto das atividades, o ideal é que haja uma avaliação médica prévia, tanto do ponto de vista cardiovascular quanto do ortopédico.

No melhor dos mundos, o HIIT deve ser feito a partir de uma rotina de exercícios preparada para cada tipo de condicionamento e com o acompanhamento de um personal trainer. Mas como esse é um luxo para poucos, os aplicativos que utilizam Inteligência Artificial para aprender com o corpo dos usuários e preparar rotinas personalizadas de treinos vem ganhando popularidade.
Na liderança dessa tendência, com 3 milhões de usuários no Brasil, está o aplicativo Freeletics, que em sua versão Bodyweight, funciona como um personal trainer digital especialista em HIIT. Para começar a usar, a Inteligência Artificial do app, batizada de “Coach” (treinador) faz uma entrevista para avaliar qual é o condicionamento atual do novo atleta, a partir daí, ele propõe alguns exercícios e coleta feedbacks dos usuários para adaptar e evoluir os workouts de acordo com a progressão do usuário. A plataforma cruza os dados de desempenho com o os de outros 30 milhões de usuários pelo mundo, usando parâmetros criados pelos principais fisiologistas, educadores físicos e médicos do esporte internacionais para garantir a segurança durante os exercícios.
Sobre o FREELETICS
A missão do Freeletics é ajudar as pessoas a se tornarem a melhor versão de si mesmas e alcançar seu pleno potencial. Criado em 2013, na Alemanha, o Freeletics está presente em 160 países e conta com mais de 30 milhões de usuários inscritos. No Brasil, esse número atinge a marca de três milhões de Atletas Livres, como é conhecida a comunidade de usuários do app, fazendo dele o personal trainer mais popular do país. O aplicativo oferece programas de treinamento personalizados de acordo com o estágio atual da preparação do usuário, promovendo a motivação e evolução dos treinos com o passar do tempo. Conheça mais em www.freeletics.com/pt e www.facebook.com/freeletics.

 

Créditos: Freeletics – Divulgação 

Like this Article? Share it!

Leave A Response